Loading...
Loading...

sábado, 13 de abril de 2013

A BAHIA, E O NOVO MINISTRO DO TRANSPORTE - PARTE 2

CONFORME COMENTÁRIO, NA POSTAGEM ANTERIOR, DA ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO DO MINISTÉRIO DOS TRANSPORTES, AS ATRIBUIÇÕES DE PLANEJAMENTO DA GESTÃO PORTUÁRIA NO ÂMBITO DO GOVERNO FEDERAL ESTÃO  SOB COMANDO DA "SECRETARIA ESPECIAL DE PORTOS", PORTANTO FORA DO PODER DE DECISÃO DO SENHOR CÉSAR BORGES, NOVO MINISTRO DOS TRANSPORTES.

O ÂMAGO DA POSTAGEM INICIAL NÃO FOI DISCUTIR A EFICÁCIA DO ORGANOGRAMA DO GOVERNO FEDERAL, OU SEJA, SE FOI INTELIGENTE CRIAR UMA NOVA ESTRUTURA, COM NOVOS GASTOS, PARA TENTAR FAZER O QUE NÃO FOI FEITO, QUANDO ESSAS ATRIBUIÇÕES, NO PRETÉRITO, ESTAVAM NO BOJO DO MINISTÉRIO DOS TRANSPORTES. ISSO SERÁ ASSUNTO PARA NOVOS DEBATES.

TERMINO AFIRMANDO QUE: "AS DUNAS MUDAM DE LUGAR, MAS SEMPRE ESTÃO NO DESERTO", E DE UMA MANEIRA OU DE OUTRA, A BAHIA CONTA COM O PRESTÍGIO DO NOVO MINISTRO EM AJUDAR O DESENVOLVIMENTO DO NOSSO COMPLEXO PORTUÁRIO.

A RETIFICAÇÃO FOI REALIZADA.

JOSEMAR 

Nenhum comentário:

Postar um comentário