Loading...
Loading...

terça-feira, 5 de março de 2013

CORPOS CELESTES - AS ESPÉCIES

ALGUNS DIAS ATRÁS, A IMPRENSA MUNDIAL NOTICIOU SOBRE UM ASTERÓIDE QUE PASSARIA A UMA CURTA DISTÂNCIA DO PLANETA TERRA, CONTUDO SEM OFERECER RISCO DE COLISÃO, SEGUNDO A NASA. O QUE REALMENTE ACONTECEU, POIS ESCREVO ESSA POSTAGEM APÓS O FATO.

DURANTE A PASSAGEM DESSE CORPO CELESTE, A RÚSSIA FOI PALCO DA QUEDA DE UM METEORO QUE DEIXOU UM RASTRO DE CENTENAS DE FERIDOS, APESAR DOS PROTAGONISTAS DAS TEORIAS DE CONSPIRAÇÃO AFIRMAREM, QUE, O QUE ACONTECEU NESSE PAÍS FOI EXPERIMENTO DE ALGUM ARTEFATO BÉLICO ULTRA SECRETO.

O ASTEROIDE TEM 45 METROS DE DIÂMETRO E 130 MIL TONELADAS DE PESO, E PASSOU A UMA DISTÂNCIA DE 30 MIL QUILÔMETROS.

ESSA FATO LEVOU-ME A PESQUISAR E REVIVER O TEMPO DE ESCOLA, SOBRE QUAIS AS ESPÉCIES DE CORPOS QUE VAGAM OU ORBITAM PELO UNIVERSO INFINITO.


ASTERÓIDE - SÃO CORPOS PEQUENOS, ROCHOSOS E METÁLICOS QUE ORBITAM O SOL ENTRE A ÓRBITA DE MARTE E JÚPITER, ÁREA CONHECIDA COMO CINTURÃO DE ASTEROIDE. SÃO SEMELHANTES AOS METEORÓIDE, MAS DE MAIOR TAMANHO. O MAIOR ATÉ AGORA CONHECIDO CHAMA-SE "CERES", COM 457 M DE DIÂMETRO APROXIMADAMENTE.

ASTEROIDE "GASPRA" VISTO DA ESPAÇONAVE "GALILEO" 



METEORÓIDE - SÃO PARTÍCULAS DE POEIRA OU FRAGMENTOS DE ROCHA, VAGANDO PELO ESPAÇO, QUANDO ENTRAM EM CONTATO COM ATMOSFERA TERRESTRE FICAM ENCANDECIDOS, GERALMENTE SE DESINTEGRANDO, O QUE POPULARMENTE CHAMAMOS DE ESTRELA CADENTE.

METEORÓIDE INGRESSANDO NA ATMOSFERA TERRESTRE

METEORO - RASTRO DE LUZ PRODUZIDO PELO CHOQUE DA ENTRADA DE METEORÓIDES NA ATMOSFERA TERRESTRE.


METEORITO - QUANDO UM METEORO CONSEGUE PASSAR PELA ATMOSFERA TERRESTRE, CAINDO AO SOLO É DESIGNADO DE METEORITO, PODENDO SER AERÓLITO  (ROCHOSO), SIDERITO (METÁLICO), SIDERÓLITO (METÁLICO/ROCHOSO).

METEORITO DE BENDEGÓ - O MAIOR E MAIS FAMOSO ENCONTRADO NO BRASIL, EM 1874

COMETA - OS COMETAS SÃO FORMAÇÕES CELESTES, CONSTITUÍDOS BASICAMENTE DE GELO, POEIRA E DIMINUTOS FRAGMENTOS ROCHOSOS. APRESENTANDO EM SUA ESTRUTURA UMA CAUDA DE ORIGEM NA RADIAÇÃO  SOLAR E NOS VENTOS SOLARES QUE ATUAM NO SEU NÚCLEO DERRETENDO-O QUANDO SE APROXIMAM DO SOL.

ALGUMAS VEZES PODEM SER VISTOS A OLHO NU, VARIANDO DE TAMANHO EM CENTENAS DE METROS E DEZENAS DE QUILÔMETROS. SÃO PRESOS A GRAVIDADE SOLAR.

O MAIS FAMOSO E PERIÓDICO FOI O COMETA HALLEY. APÓS OBSERVAÇÕES, EDMOND HALLEY PERCEBEU QUE OS COMETAS VISTOS EM 1531 E 1607 ERAM OS MESMOS OBJETOS QUE FOI OBSERVADO EM 1682, CONCLUINDO QUE SUA TRAJETÓRIA PASSAVA A OLHO NU DA TERRA NUM INTERVALO DE 75 A 76 ANOS.

ESTRELA - ESTRELAS SÃO ESFERAS BRILHANTES CONSTITUÍDAS DE PLASMA, MANTIDA COESA PELA GRAVIDADE. SEU BRILHO É RESULTADO DA FUSÃO NUCLEAR DO HIDROGÊNIO EM SEU NÚCLEO.

A ESTRELA MAIS CONHECIDA PELOS TERRÁQUEOS E MAIS PRÓXIMA DA TERRA É O SOL.
SATÉLITE - ASTRO QUE CIRCULA EM TORNO DE UM PLANETA PRINCIPAL. A LUA É O SATÉLITE DA TERRA. JÚPITER, MAIOR PLANETA DO NOSSO SISTEMA SOLAR POSSUI 67 CONHECIDOS.

OS 4 MAIORES SATÉLITES DE JÚPITER: LO, EUROPA, GANÍMEDES E CALISTO
http://commons.wikimedia.org/wiki/File:Jupitermoon.jpg


PLANETA - CORPO CELESTE QUE ORBITA UMA ESTRELA OU REMANESCENTE DE ESTRELA. SE DIVIDEM EM PLANETAS GIGANTES DE CONSTITUIÇÃO GASOSA E PEQUENOS E OS MENORES, ROCHOSOS DE CARACTERÍSTICA TERRESTRE.

NO CASO DE NOSSO SISTEMA SOLAR OS GASOSOS SÃO JÚPITER, SATURNO, URANO E NETUNO. OS TERRESTRES SÃO VÊNUS, MERCÚRIO, TERRA E MARTE.

NOSSO SISTEMA SOLAR
http://yedaseveral.com.br/yeda-several/?page_id=680


GALÁXIAS - AGLOMERADO DE ESTRELAS, POEIRAS E GÁS, QUE PERMANECEM UNIDOS EM VIRTUDE DE INTERAÇÕES GRAVITACIONAIS. PODEM POSSUIR BILHÕES DE ESTRELAS. A NOSSA GALÁXIA É A VIA LÁCTEA.

GALÁXIA DO CATA VENTO, DISTANTE 37 MILHÕES DE ANO LUZ DA TERRA 
http://www.ccvalg.pt/astronomia/galaxias/galaxias_espirais.htm

  
PLANETÓIDE - PEQUENOS CORPOS CELESTES, COM ALGUMA CARACTERÍSTICA DE PLANETA


SISTEMA SOLAR - CONJUNTO DE CORPOS CELESTES QUE ORBITAM O SOL, ESTANDO SOBRE SUA INFLUÊNCIA GRAVITACIONAL

Nenhum comentário:

Postar um comentário